Terça-feira, 5 de Junho de 2012

Cosmopolis

Fui ver.

Saí antes do fim, coisa que raramente faço.

 

Conhecia De Lillo desde “Great Jones Street” (1973) e lembro-me de “White Noise” e “Libra” (ambos dos oitentas). Tinha ideia de um escritor muito americano e medianamente complexo. Nada comparado com os diálogos vácuos e pretenciosos deste filme, tipo labirinto para intelectuais, que nada diz e muito pretende.

 

Cronenberg não é de confiar completamente, mas também não é para desconfiar. Nem desceu no meu rating; um texto destes e uma história tão estúpida, até se safou bem. Tem alguns erros de pormenor, como as mãos de camponesa da vamp Juliette Binoche, mas nada de grave.

 

Continuo sem saber se Robert Pattinson é bom ou mau actor. Com um papel tão imbecil e irreal, é impossível julgar. Quando ele fizer de pessoa normal num próximo filme – o que é cada vez menos provável – então logo se vê.

 

Parabens a Paulo Branco: conseguiu um filme internacional com uma produção barata: tudo se passa dentro de uma limousine (provavelmente um cenário de estúdio, para a câmara se movimentar à vontade), algumas cenas de rua e duas ou três locações fáceis.

 

Dizem que a crítica de Cannes gostou; é a mesma crítica que endeusa Manuel de Oliveira e aqueles diálogos teatrais – aliás o Cosmopolis parece um Manuel de Oliveira futurista.

 

Lamento, tinha muitas esperanças para este filme. Lamento o tempo que perdi, podia ter ido ver coisa melhor. Da próxima.

publicado por Perplexo às 00:29
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim

Veja também:

"Pesquisa Sentimental"

 

 

contador

pesquisar

posts recentes

Concurso de blogues

Voltarei

Silêncio...

Horta e Alorna

A Selecção, minuto a minu...

Cosmopolis

Millôr Fernandes

A maçã chinesa

Transigir ou não transigi...

EDP, o verdadeiro escânda...

arquivos

Janeiro 2013

Julho 2012

Junho 2012

Março 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Janeiro 2008

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Maio 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

who?

Iniciativa Legislativa de Cidadãos contra o Acordo Ortográfico. Leia, assine e divulgue!

subscrever feeds